A principal atração de Budapeste é, sem dúvidas, o Parlamento. Mais que uma atração local, ele é um dos prédios mais emblemáticos de toda a Europa. Mais que fotografar o seu exterior é possível conhecer o prédio por dentro, mas como lá funciona ainda hoje o Parlamento da Hungria, a visita tem muitas limitações.

Em época de alta temporada, especialmente, é importante comprar o bilhete e agendar a sua visita. A quantidade de pessoas é limitada por horário e os horários divididos por idioma. Para escolher o horário e idioma da visita e comprar seu bilhete, basta acessar o site. 

Para fazer a visita é obrigatório ter o bilhete impresso, por isso, é recomendável que você já leve seu bilhete impresso. Se você não tiver o bilhete, chegue bem mais cedo que o seu horário porque vai precisar passar pelo atendimento no balcão – e muitas vezes há filas.

Para entrar no Parlamento é preciso passar pelo controle nos detectores de metais, por isso, tenha certeza que não tem nenhum objeto que precisará ser descartado – as regras são bem parecidas com as regrinhas de aeroporto.

O passeio dura cerca de 30 minutos e passa por alguns corredores, pela entrada principal, pelo salão sob o domo e pela sala onde trabalham os parlamentares. Os guias estão preparados para contar sobre a arquitetura e história do prédio e através delas contar mais e envolver o visitante com a história da Hungria.

Sala onde os parlamentares húngaros trabalham
Sala onde os parlamentares húngaros trabalham

Pra quem vê o prédio de fora e imagina conhecê-lo inteiro, a visita é um pouco decepcionante. Mas o passeio vale bastante à pena, só é importante alinhar expectativas!